Remo Brasil

SITE OFICIAL DA CONFEDERAÇÃO
BRASILEIRA DE REMO

Remo Internacional

Brasil conquista mais duas vagas aos Jogos Paralímpicos de Tóquio

Neste sábado, 05/06, o Brasil garantiu mais duas vagas nos Jogos Paralímpicos de Tóquio. Nas Finais da Regata Final de Qualificação Paralímpica, realizada em Gavirate, na Itália, os barcos Single Skiff Feminino PR1 e Quatro Com Misto PR3 conquistaram a 1ª e 2ª colocação em suas categorias, completando o time paralímpico que parte para o Japão.

Da esquerda para a direita: Frederic Mallrich, Heros Ferreira, Rafael Jacob (em pé), Fernando Carvalho e Claudia Santos, recebendo a medalha de ouro ainda no barco
Da esquerda para a direita: Frederic Mallrich, Heros Ferreira, Rafael Jacob (em pé), Fernando Carvalho e Claudia Santos, recebendo a medalha de ouro ainda no barco

No Single Skiff Feminino PR1 (PR1 W1x), a vaga foi conquistada pela atleta Claudia Santos, do Esporte Clube Pinheiros (SP). Sua primeira disputa na Regata de Qualificação foi na quinta, 03/06, na prova de exibição da categoria. A brasileira ficou com a 1ª posição, com uma boa vantagem em relação ao barco italiano, segundo colocado da prova. Como a categoria possuia apenas quatro países confirmados, todos os barcos seguiram para a Final.

• Acesse os resultados oficiais da Regata Final de Qualificação Paralímpica »

Na prova Final, Claudia repetiu o bom resultado e conquistou a 1ª colocação com 58s de vantagem em relação ao barco da Itália, segundo colocado. “Estou tão feliz! Eu me esforcei muito para essa prova e estou muito honrada em representar o Brasil pela quarta vez nos Jogos Paralímpicos”, disse a atleta em entrevista a World Rowing (Federação Internacional de Remo). Esta será a quarta participação de Claudia em Jogos Paralímpicos, tendo estreado na competição em Pequim 2008. Seu melhor resultado foi a 4ª posição em Londres 2012.

Da esquerda para direita: Valdeni Silva, Jairo Klug, Diana Barcelos, Ana Souza, Jucelino Silva, Fernando Carvalho, Frederic Mallrich, Rafael Jacob (em pé) e Heros Ferreira (em pé)
Da esquerda para direita: Valdeni Silva, Jairo Klug, Diana Barcelos, Ana Souza, Jucelino Silva, Fernando Carvalho, Frederic Mallrich, Rafael Jacob (em pé) e Heros Ferreira (em pé)

No barco Quatro Com Misto PR3 (PR3 Mix4+), a vaga foi conquistada pelos atletas Ana Paula Souza, Diana Barcelos, Jairo Klug, Valdeni Silva e pelo timoneiro Jucelino Silva. Na prova Eliminatória, no dia 03/06, o barco brasileiro ficou na 2ª posição da Bateria 1, com 13 segundos de diferença em relação ao barco canadense, primeiro colocado. Entre os 8 barcos das baterias Eliminatórias, nossa Seleção conseguiu o segundo melhor tempo. Com este resultado, foi para a prova de Repescagem

Na Repescagem, a equipe liderou a prova durante todo o percurso, mas a briga pela primeira colocação foi acirrada nos metros finais. O barco brasileiro conquistou a 1ª posição com 1.3s de vantagem em relação ao barco holandês, segundo colocado. Este resultado os classificou para a Final A, onde conquistaram a 2ª posição com 5.02s de diferença para o primeiro colocado. Esta será a terceira participação do pais com este barco nos Jogos Paralímpicos.

Claudia Santos durante a disputa da prova de exibição do Single Skiff Feminino PR1
Claudia Santos durante a disputa da prova de exibição do Single Skiff Feminino PR1

Com os resultados de hoje, o país terá representantes nas quatro categorias de remo adaptado dos Jogos Paralímpicos. Duas vagas já estavam garantidas desde 2019, conquistadas no Mundial de Remo Sênior. No Single Skiff Masculino (M1x), o Brasil será representando pelo remador baiano Renê Campos, do Clube São Salvador (BA). No Double Skiff Misto PR2 (PR2 Mix2x) a dupla será formada por Josiane Lima e Michel Pessanha. Josiane rema atualmente pelo Aldo Luz (SC) e Michel pelo Flamengo (RJ).

Os Jogos Paralímpicos de Tóquio serão realizados de 24 de agosto a 05 de setembro. As provas de remo iniciam no dia 27, com finais marcada para o dia 29. Um total de 96 atletas competirão nas quatro categorias, sendo uma masculina, uma feminina e duas mistas.

As provas da Regata Final de Qualificação Paralímpica aconteceram entre 03 e 05 de junho no Lago Varese, sede da tradicional Regata Internacional de Gavirate, um dos principais eventos paralímpicos do circuito internacional de remo. Com 9km de comprimento e ventos fracos, o lago já serviu de sede para delegações do mundo inteiro em treinamento. A estrutura do local foi renovada em 2016, incluindo a construção de uma nova sede.

Barco Quatro Com Misto PR3 durante a disputa das Repescagem, em Gavirate
Barco Quatro Com Misto PR3 durante a disputa das Repescagem, em Gavirate

Antes da viagem, todos os atletas foram imunizados com a primeira dose da vacina da COVID-19. As vacinas foram doadas pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) ao Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB). Desde o dia 18/05, a equipe estava em São Paulo, na Raia da USP, em preparação para a Regata, partindo para a Itália no dia 29/05.

Os atletas da Seleção Brasileira de Remo viajaram acompanhados de Fernando Carvalho, coordenador técnico de remo paralímpico da CBR, Frederic Mallrich, técnico de para-remo, Rafael Jacob, fisioterapeuta, e Heros Ferreira, fisiologista.

RESULTADOS PROVA RESULTADO TEMPO RANK
Claudia Santos

PR1 W1x 1º Lugar Final A 11:42:07 01
Ana Paula Souza,Jairo Klug,
Diana Barcelos, Valdeni
Silva e Jucelino Silva (Tim)
PR3 Mix4+ 2º Lugar Final A 07:13:89 02
Neste evento, a equipe teve apoio da Reapta, empresa especializada em produtos inclusivos para idosos, cadeirantes e pessoas com mobilidade reduzida. “Sempre prezamos pela inclusão, acessibilidade e empatia com o próximo, levando praticidade, eficiência e modernidade para a vida das pessoas. Essa parceria é mais um passo nesse sentido, acreditamos totalmente no projeto do remo paralímpico e dos atletas envolvidos. Vamos pra cima!”, divulgou a empresa em seu Instagram.

As despesas de viagem foram pagas pela CBR através de recursos da Lei Agnelo Piva de Apoio ao Esporte. Os projetos da CBR são auditados pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) e pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB). A prestação de contas de todos os eventos internacionais está disponível no link Transparência.

Crédito das Imagens: CBR, World Rowing

PATROCINADORES

Secretaria Especial do Esporte - Ministério da CidadaniaLei de Incentivo ao Esporte

APOIADORES DO REMO BRASILEIRO

Comitê Brasileiro de ClubesNutrigenikDietpro Rio CVB

FORNECEDORES OFICIAIS 

Swift Racing

CONFEDERAÇÃO FILIADA

Comitê Olímpico do BrasilComitê Paralímpico BrasileiroWorld Rowing Autoridade Brasileira de Controle de DopagemComitê Brasileiro de Clubes

Redes Sociais

Facebook - Confederação Brasileira de RemoConfederação Brasileira de Remo - InstagramConfederação Brasileira de Remo - TwitterYou TubeIssuu - Confederação Brasileira de RemoLinkedIn

Conf. Brasileira de Remo

SEDE RIO DE JANEIRO
Avenida Graça Aranha, 145, Sala 709
Centro, Rio de Janeiro, RJ – 20030-003
Telefone: (21) 2294-3342
Telefone: (21) 2294-0225
Celular: (21) 99198-2986  WhatsApp
Segunda a sexta, das 9h às 18h

ESCRITÓRIO FLORIANÓPOLIS
Rua Patrício Farias, 55, Sala 610
Itacorubi – Florianópolis, SC
CEP 88034-132
Telefone: (48) 3206-9128
Celular: (21) 99118-4620
Segunda a sexta, das 9h às 18h